Fala do Mestre Iran no Trabalho realizado em 21 de fevereiro de 2016, sobre um novo tempo na Fraternidade Rosa da Vida

Mestre Iran Salão2
Hoje preciso agradecer de verdade a espiritualidade que nos assiste, aos mestres que tive a oportunidade de conviver, ao Mestre Francisco que me deu a oportunidade de aprender muitas e muitas coisas, aos mestres que passaram pela minha vida, Daniel Serra, Prem Baba, Antônio Geraldo Filho e tantos outros, e são esses os mestres que nos ajudam a seguir o nosso caminho e esclarecem minha ideia para que consiga fazer o Trabalho que faço na Rosa.
 
Já fazem 15 anos desde que a Rosa foi instalada e nestes 15 anos o Trabalho passou por várias fases. Fases mais difíceis, fases mais simples de ser passadas, mas sempre com muito trabalho, não só trabalho físico, dentro do salão, como espiritual, de realizar as coisas aqui onde a Rosa está estabelecida, mas nós conseguimos. Como tem uma frase muito falada pelos evangélicos: “Até aqui nos ajudou o Senhor” e eu acredito que vai continuar ajudando, tenho essa convicção comigo.
 
Uma das coisas mais importantes que aconteceram comigo, foi ter certeza de que não estamos sozinhos, nem no plano material e nem no plano espiritual e isso nos dá condição, capacidade e força de realizar o que precisamos realizar. Eu acredito que o caminho está aberto para seguirmos em frente, para trilhamos o nosso caminho e quem sabe um dia nossa Casa possa estar fazendo 50 anos, 100 anos..., e como acreditamos em reencarnações, tudo o que estamos fazendo aqui, podemos estar fazendo para nós mesmos, pois assim como não sabemos o que nos fez chegar até aqui, também não sabemos o que será de nós no futuro. Quem sabe em outras vidas tivemos outros contatos com essa bebida? Eu pelo menos acredito que na minha história, eu já tive outros contatos com este Chá. Eu acredito piamente nisso, que em outras vidas eu já fiz uso deste Chá.
 
Assim, cada um de nós tem a sua história espiritual, que é trazida à tona aqui para se trabalhar. Então, nestes últimos 15 anos, eu pelo menos, não tenho nada a reclamar e as dificuldades pelas quais eu passei e que eu não consegui ultrapassar foram por pura incompetência minha. Mas a sorte é que a cada erro aprendemos a ultrapassar essas nossas limitações de entendimento, pedindo sempre pelo amor de Deus para nos ajudar, porque é assim que é.
 
Por: Elton da Rosa em 21 de fevereiro de 2016

 

 

Entrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Rádio Rosa da Vida

 

 

  Mestre Irineu   Mestre Francisco  Mestre Iran